Menu

Banco inicia campanha de renegociação de dívida dos clientes

Banco inicia campanha de renegociação de dívida dos clientes

Válida até 12 de setembro, a campanha tem como alvo cerca de 1 milhão de correntistas do Itaú Unibanco

O Itaú Unibanco iniciou uma campanha de renegociação de dívidas. Até o dia 12 de setembro, os clientes do banco poderão regularizar a sua situação financeira e evitar o aumento da inadimplência.

As condições são bem favoráveis: parcelamento em até 60 vezes e prazo de três meses para pagar a primeira parcela, depois da entrada.

A ação tem como alvo correntista pessoa física com a atraso entre 15 e 180 dias no pagamento dos valores devidos. Segundo o banco, mais de 1 milhão de clientes se encaixam nesse perfil. 

“Queremos que o cliente reorganize sua vida e aproveite as datas festivas e os dias de descanso do fim de ano com o nome limpo”, afirma Adriano Pedroti, diretor do Itaú Unibanco.

Após firmado o acordo de renegociação, com o pagamento da entrada, as restrições ao crédito relacionadas ao endividado são retiradas em até 5 dias úteis, apenas.

“É importante que a pessoa seja pontual na quitação das parcelas para não voltar a ter o nome negativado nos birôs de crédito”, complementa o executivo.

Para ampliar o alcance da ação, pela primeira vez o Itaú está promove campanha de comunicação na TV, com a divulgação de peças nos intervalos comerciais de programas de grande audiência, inclusive no horário nobre das principais emissoras.

A estratégia de comunicação contempla, ainda, inserções durante as transmissões dos jogos de futebol. E inclui redes sociais e outros canais digitais proprietários do banco.

Apesar de a campanha de renegociação ser direcionada a um público específico, nestes 30 dias correntistas com atraso no pagamento superior a seis meses também poderão conversar com seu gerente para atenuar o processo de regularização de suas pendências.

“É possível reduzir o valor da dívida ou dos juros, eliminar os juros com o pagamento em seis vezes ou aumentar o prazo de parcelamento. A análise será caso a caso”, diz Pedroti.

Clientes que passam por adversidades como desemprego, surpresas negativas nos gastos e doenças graves são avaliados de forma diferenciada e podem contar com outras facilidades.

Nessas situações, é possível que sejam solicitados documentos como carteira de trabalho, rescisão contratual, comprovante de renda e laudo médico, entre outros.

Para renegociar, os clientes devem ir até sua agência bancária pessoalmente. Como alternativa, o correntista pode entrar em contato com a central telefônica, que estendeu em duas horas diárias seu horário de funcionamento: até 12 de setembro, o horário de atendimento vai das 8h às 22h, de segunda a sexta-feira, pelo número 4004 5533 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800 722 5533 (demais localidades).

Os clientes também terão à disposição os canais de autosserviço, como o app Itaú e o site itau.com.br/renegociação.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes