Menu

BB já contrata R$ 83,5 milhões de crédito para antecipação de IR

BB já contrata R$ 83,5 milhões de crédito para antecipação de IR

Em todo o ano de 2016, a linha teve um desembolso total de cerca de R$ 500 milhões

 Mais de 23 mil clientes já anteciparam suas restituições de Imposto de Renda com o Banco do Brasil desde o dia 2, quando a linha de crédito foi reaberta. Foram desembolsados mais de R$ 83,5 milhões até o dia 15 de março, sendo que R$ 9,2 milhões foram contratados por clientes pelo App BB, para celulares e tablets, representando 80% de crescimento da participação do canal em relação ao ano anterior. Em todo o ano de 2016, a linha teve um desembolso total de cerca de R$ 500 milhões.

No ano passado, a contratação realizada pelo aplicativo do Banco já permitia - de modo pioneiro no mercado bancário - o envio de foto do recibo do IRPF, sem necessidade de o cliente ir à agência. Para este ano, o BB amplia a facilidade também para o cliente que realizar a antecipação pela internet: ele poderá realizar o upload do recibo da Declaração do IR, imagem ou PDF, pelo próprio canal. A funcionalidade traz conveniência e ganho de tempo ao cliente, pois ele receberá o crédito da antecipação direto na conta, sem precisar sair de casa.

Condições do crédito
Com a linha é possível antecipar até 100% do valor do crédito a ser restituído, limitado a R$ 20 mil, com taxas de juros a partir de 2,11% a.m, até 4,18%. O pagamento é realizado somente na data do crédito da restituição ou no vencimento do contrato, que será no dia 15 de Janeiro de 2018, o que ocorrer primeiro. As contratações podem ocorrer via Aplicativo BB para celulares e tablets, via internet e também nos terminais de autoatendimento, na Central de Atendimento BB e nas agências do Banco em todo o País por correntistas com limite de crédito aprovado e que tenham indicado o Banco do Brasil para recebimento da restituição.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo
Info for bonus Review William Hill here.

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes