Menu

Rede e Cubo desenvolverão soluções de meios de pagamento

Ricardo Guerra, diretor executivo de tecnologia do Itaú Unibanco Ricardo Guerra, diretor executivo de tecnologia do Itaú Unibanco

Iniciativa terá um laboratório no centro de coworking para fomentar a inovação no setor

A Rede, que atua no mercado de meios eletrônicos de pagamento, acaba de firmar parceria com o Cubo Coworking Itaú, espaço desenvolvido e administrado pelo Itaú Unibanco em parceria com a Redpoint eventures. A iniciativa tem como objetivo estimular o desenvolvimento de soluções digitais para os produtos e serviços oferecidos pela empresa em seu portfólio. Com o acordo, a Rede espera encerrar 2017 com aproximadamente 80 aplicativos disponíveis para download na loja de aplicativos dos terminais Smart Rede.

“Queremos criar um ambiente propício para receber parceiros e desenvolvedores, que poderão utilizar a infraestrutura do local para capacitação própria e para o aprimoramento de suas soluções”, explica Frederico Souza, diretor de Produtos da Rede. “Além disso, vamos utilizar o espaço cedido pelo Cubo para a realização de eventos e encontros com este público, estreitando assim o nosso relacionamento e ampliando a rede de contatos de todos os envolvidos”, completa o executivo.

Ao ampliar o número de soluções à disposição do cliente, a Rede espera um aumento na procura pelo terminal inteligente Smart Rede. Em uma analogia simples, o dispositivo representa para o mercado de meios de pagamento o mesmo que o smartphone representou para a telefonia móvel – permitindo que o lojista instale na ferramenta diferentes aplicativos para auxiliá-lo na gestão do negócio.

“O novo terminal combina a versatilidade dos dispositivos móveis com uma tecnologia multiuso e baseada no conceito future-proof, que evita a troca de terminais para aceitação de novas tecnologias que venham surgir no futuro. Com a parceria, esperamos possibilitar a melhor gestão do negócio pelo próprio empresário e entregar uma experiência de compra mais aprazível ao consumidor”, explica Souza.

“Tenho certeza de que a parceria da Rede com o Cubo será muito benéfica e proporcionará muito aprendizado para todos. O Cubo vai ajudar a Rede a entender o modelo de trabalho das startups, ao mesmo tempo em que as startups poderão estar mais próximas de uma das empresas mais importantes do mercado de meios de pagamento do Brasil. Acredito que essa troca de conhecimentos contribuirá para melhorar a cada dia a experiência dos usuários, e para trazer mais inovação para o setor como um todo”, diz Ricardo Guerra, diretor executivo de tecnologia do Itaú Unibanco.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes