Menu

Banco ABC Brasil atinge lucro líquido contábil de R$ 145,6 milhões no 4T de 2019 Destaque

Banco ABC Brasil atinge lucro líquido contábil de R$ 145,6 milhões no 4T de 2019

Destaque para a Carteira de Crédito Expandida que cresceu 6,8% no trimestre e 14,9% no ano, atingindo R$ 30,1 bilhões em dezembro de 2019

O Banco ABC Brasil (B3: ABCB4) registrou lucro líquido contábil de R$ 145,6 milhões no quarto trimestre de 2019, representando aumento de 11,6% na comparação com o trimestre anterior e de 78,1% com relação ao quarto trimestre de 2018. No ano, a instituição obteve crescimento de 26,4% no lucro líquido contábil.

O lucro líquido recorrente do Banco ABC Brasil no quarto trimestre de 2019 foi de R$ 119,7 milhões, queda de 2,7% em comparação ao trimestre anterior e de 1,5% com relação ao mesmo período de 2018. Na comparação anual, houve crescimento de 6,8%.

O Retorno Anualizado sobre o Patrimônio Líquido (ROAE) foi de 14,6% no quarto trimestre de 2019 e 13,7% no ano de 2019. Já o ROAE recorrente foi de 12,0% no trimestre e 12,6% em 2019.

A Carteira de Crédito Expandida, que inclui as carteiras de empréstimos, garantias prestadas e títulos privados, terminou dezembro de 2019 com saldo de R$ 30,1 bilhões, crescimento de 6,8% em relação ao trimestre anterior e de 14,9% em 12 meses. No segmento Large Corporate, composto por clientes com faturamento anual acima de R$ 2 bilhões, a carteira de crédito expandida do ABC Brasil atingiu saldo de R$ 15,4 bilhões, aumento de 3,7% no trimestre e de 3,4% em 12 meses, representando 51,2% da carteira total da instituição. No segmento Corporate, focado em clientes com faturamento anual entre R$ 250 milhões e R$ 2 bilhões, a carteira de crédito expandida obteve saldo de R$ 13,9 bilhões, crescimento de 10,0% no trimestre e de 30,8% em 12 meses, o que representa 46,2% da carteira total.  

Já no segmento Middle, empresas com faturamento anual entre R$ 30 milhões e R$ 250 milhões, a carteira de crédito expandida atingiu saldo de R$ 785 milhões, crescimento de 12,2% no trimestre e de 17,1% em 12 meses, representando 2,6% da carteira total. A Carteira de Empréstimos, que segue a resolução 2.682 do Banco Central do Brasil, cresceu 13,2% com relação ao trimestre anterior e 32,5% na comparação com dezembro de 2018.

A área de Banco de Investimentos do Banco ABC Brasil atingiu R$ 46,2 milhões no quarto trimestre e R$ 113,5 milhões no ano de 2019. A receita da área cresceu 27,8% no ano.

Captação

Em dezembro de 2019 o Banco ABC Brasil registrou um saldo de captação de R$ 30,1 bilhões, crescimento de 2,3% no trimestre e de 8,1% em 12 meses. Durante o ano, o ABC Brasil emitiu Letras Financeiras Subordinadas Perpétuas com o objetivo de fortalecer sua estrutura de capital. Nesse período, foram emitidos R$ 502 milhões no mercado local, sendo 100% com colocação privada.

O Banco permanece com uma carteira diversificada, com acesso aos mercados local e externo em condições competitivas e com prazos confortáveis em relação ao perfil de seus ativos. 

Projeções

O Banco ABC Brasil projeta crescimento da carteira de crédito expandida entre 11% e 15% em 2020 e 2021. No segmento Middle, a instituição estima que o volume da carteira de crédito expandida em 2020 fique entre R$ 1,4 bilhão e R$ 1,6 bilhão, e para 2021 entre R$ 2,2 bilhões e R$ 2,5 bilhões, resultando em um CAGR – Taxa de Crescimento Composto Médio do período – de 67% a 78%. Com relação às Despesas Pessoal, Outras Administrativas e PLR, a expectativa é de crescimento de 14% a 18% em 2020 e de 6% a 9% em 2021. O CAGR das despesas de 2019 a 2021 deve oscilar entre 10% e 13%.

Para ter acesso à versão completa do relatório, acesse: https://ri.abcbrasil.com.br.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes