Logo
Imprimir esta página

CPqD participa do lançamento do Desafio IoT no Futurecom

Vinícius Garcia de Oliveira, responsável pelos processos de inovação da Diretoria de Redes Convergentes do CPqD Vinícius Garcia de Oliveira, responsável pelos processos de inovação da Diretoria de Redes Convergentes do CPqD

Iniciativa conjunta com o ITS e o Fórum Brasileiro de IoT visa incentivar o empreendedorismo em Internet das Coisas

Estimular a criação de soluções inovadoras para cidades inteligentes, por pessoas e empresas brasileiras, dentro do conceito de Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês). Esse é o objetivo do Desafio IoT, lançado em 29/10, durante o Futurecom 2015, a partir de uma iniciativa conjunta do CPqD, ITS - Instituto de Tecnologia de Software e Fórum Brasileiro de IoT.

A ideia do programa é fornecer capacitação técnica de qualidade nessa área e, ao mesmo tempo, estimular o empreendedorismo - de pessoas e empresas - em Internet das Coisas. “O papel principal do CPqD nesse programa é, justamente, capacitar tecnicamente os participantes para que possam desenvolver soluções inovadoras para problemas reais das cidades”, explica Vinícius Garcia de Oliveira, responsável pelos processos de inovação da Diretoria de Redes Convergentes do CPqD - e organizador de uma série de webinars sobre IoT realizada recentemente pela instituição.

Segundo José Vidal Bellinetti, diretor do ITS, a iniciativa é uma nova vertente do Espaço Inovação, criado pela instituição em 2005 e que tem espaço garantido, todos os anos, na Futurecom. “A proposta é acompanhar e formar pessoas interessadas em empreender, que poderão se capacitar, desenvolver um projeto e criar uma empresa com assessoramento profissional”, afirma.

A partir do lançamento do Desafio IoT, os interessados em participar do programa terão prazo até o dia 30 de novembro para fazer suas inscrições. O resultado do processo seletivo será divulgado por e-mail até o dia 11 de dezembro e, no dia 16, haverá um encontro presencial, em São Paulo, para apresentação de todos os participantes.

No período entre 11 de janeiro e 5 de fevereiro de 2016, será realizada a capacitação técnica intensiva desses participantes, via plataforma de ensino a distância (EAD). Vinícius Oliveira adianta que serão abordados quatro tópicos básicos (um por semana): Redes IoT, Interoperabilidade, Objetos inteligentes e Segurança em IoT. Em seguida, terá início a fase de elaboração dos planos de negócios, que deverão ser entregues no início de maio.

A apresentação dos planos à banca julgadora (formada por profissionais experientes do setor de TIC) está prevista para o período de 30 de maio a 3 de junho. E, no dia 6 de junho, serão anunciados os três planos de negócios selecionados, cujas equipes terão a solução transformada em protótipo de produto. A intenção é apresentar esses protótipos no Espaço Inovação da Futurecom 2016, que será realizada em outubro.

Joomla SEO by MijoSEF
© Executivos Financeiros Todos os direitos reservados.